Tomada da bastilha coimbra

tomada da bastilha coimbra

Por que a Universidade de Coimbra é chamada de “tomada da Bastilha”?

Em Coimbra, um grupo de 40 estudantes levava a cabo a ocupação de um palácio da Universidade – o Colégio de São Paulo Eremita – para servir de sede à Associação Académica. O acontecimento, baptizado com o estranho nome de “tomada da bastilha” em homenagem à Revolução Francesa, faz hoje um século e tornou-se uma lenda da univ...

Qual a origem da queda da Bastilha?

A Tomada da Bastilha , anônimo por volta de 1790, museu da Revolução Francesa. Durante o assédio, o marquês de Launay, o governador da Bastilha, ainda tentou negociar. Os guardas, no entanto, descontrolaram-se, disparando na multidão. Indignado, o povo reunido na praça em frente partiu para o assalto e dali para o massacre.

Por que a “tomada da Bastilha” é uma marca notável?

Segundo o autarca, a “Tomada da Bastilha” de 1920, “porque depois houve outras, é uma marca notável, desde logo porque se estava em plena pandemia da pneumónica, tempo difícil que se associa um século depois a realidades que, não sendo iguais, são também de pandemia e confinamento”.

Quando foi criado o Instituto de Coimbra?

Feitas obras no claustro do edifício para construção do Teatro Académico, inaugurado em 1839, a Academia Dramática de Coimbra, sucessora da Nova Academia Dramática, sofre uma cisão, de que resulta a criação do Instituto de Coimbra (o “Clube dos Lentes”), em 1852.

Quem eram os estudantes da Universidade de Coimbra?

De um lado, estava Antônio Feliciano de Castilho, escritor romântico português. De outro, o grupo de estudantes da Universidade de Coimbra: Antero de Quental, Teófilo Braga e Vieira de Castro.

Qual a importância da Universidade de Coimbra?

Durante os seus mais de sete séculos de existência, a Universidade, hoje uma instituição de referência, foi crescendo, primeiro por toda a Alta de Coimbra e depois um pouco por toda a cidade, encontrando-se atualmente ligada a gestação de ciência e tecnologia e à difusão de cultura portuguesa no mundo.

Quais foram os primeiros estatutos da Universidade de Coimbra?

Data de 1597 a aquisição (a Dom Filipe I), pela Universidade de Coimbra, do Paço da Alcáçova, que a partir daí passou a designar-se Paço das Escolas (o centro histórico da Universidade). A universidade recebeu os seus primeiros estatutos em 1309, com o nome Charta magna privilegiorum.

Quais as principais características dos estudantes de Coimbra?

Os estudantes alegavam a falsidade contida na literatura romântica e propunham uma transformação artística, cultural, política e econômica. A Questão Coimbrã, começa, dessa forma, com uma ácida crítica de Castilho sobre os estudantes de Coimbra, os novos literatos.

Quais foram as consequências da tomada da Bastilha?

Esse alastramento da revolta popular resultou em grandes transformações sociais e políticas no país e marcou a queda do Antigo Regime. A tomada da Bastilha foi consequência da grave crise que a sociedade francesa enfrentava no final do século XVIII.

Por que a Bastilha é chamada de Bastille?

A Bastilha (em francês: Bastille ), mais conhecida por ter sido uma prisão - assim funcionando desde o início do século XVII até o final do século XVIII - foi inicialmente concebida apenas como um portal de entrada à rua parisiense de Saint-Antoine, na França, motivo pelo qual era denominada Bastilha de Saint-Antoine.

Por que a Bastilha foi visto como um marco na época?

Esse episódio foi visto como um marco na época, pois a Bastilha era uma prisão símbolo da opressão do Antigo Regime. Após a sua queda, o fervor revolucionário espalhou-se pelo restante da França e levou a população de outras cidades e do meio rural a rebelarem-se contra a aristocracia e o Antigo Regime francês.

Qual a importância da Bastilha para a Revolução Francesa?

A Bastilha era uma prisão e antigo símbolo da opressão do Antigo Regime e, naquele momento, abrigava apenas sete prisioneiros. O ataque a essa prisão é considerado o símbolo da queda do sistema absolutista e serviu de inspiração para espalhar a revolução por outras cidades da França e para os meio rurais.

Postagens relacionadas: