Museu do fado

museu do fado

Que tal visitar o Museu do Fado na cidade de Lisboa?

Passámos há dias duas riquíssimas horas no Museu do Fado, em Lisboa, excelentemente recebidos por uma das técnicas/funcionárias da casa, Vanessa Sousa Dias, que nos fez uma completa e detalhada visita guiada ao espaço e às peças.

Quais eram as principais características do Fado?

Evocando temas de emergência urbana, cantando a narrativa do quotidiano, o fado encontra-se, numa primeira fase, vincadamente associado a contextos sociais pautados pela marginalidade e transgressão, em ambientes frequentados por prostitutas, faias, marujos, boleeiros e marialvas.

Onde está localizado o Museu de Alfama?

Ao longo do percurso museológico, o audioguia permite a audição de várias dezenas de fados. O museu está instalado na a Estação Elevatória de Águas de Alfama, um dos mais importantes edifícios de equipamento lisboetas do século XIX, estando em vias de classificação como Imóvel de Interesse Municipal.

Quais são as principais casas de fado em Lisboa?

A Parreirinha de Alfama é uma casa de fado com ambiente acolhedor, e que também serve culinária tradicional portuguesa (bifes, mariscos e pratos de bacalhau, de forma geral). Por aqui passam as vozes de Joana Amendoeira, Maria de Fátima, Joana Veiga, Sérgio da Silva, Paulo Valentim e Bruno Costa, dentre outros músicos famosos.

Quais são os melhores lugares para visitar em Lisboa?

No Museu do Fado você encontra uma exposição permanente, um espaço de exposições temporárias, uma loja onde pode comprar diversos artigos ligados ao fado, um auditório, uma Escola do museu, além de um restaurante. SUPER DICA: Para os apaixonados pelo fado, outro local interessante para visitar em Lisboa é a Casa Museu Amália Rodrigues.

Qual a essência do Fado?

Conheça a canção que é tão nossa neste roteiro por Lisboa. Na sua essência, o fado – símbolo identitário da cidade de Lisboa e do país – canta os encontros e desencontros da vida, tendo sido já considerado pela UNESCO, em 2011, como Património da Humanidade.

Quais são os principais monumentos de Alfama?

No topo de Alfama fica o famoso Castelo de São Jorge, um castelo medieval que foi a residência real até o século XVI. Para observar a cidade e os seus monumentos, é preciso chegar aos miradouros: o de Santa Luzia é um dos mais conhecidos. Perto desse miradouro está o Museu de Artes Decorativas, uma mansão do século XVII com magníficos interiores.

Como é o bairro de Alfama?

O que leva até o bairro de Alfama é o Elétrico 28, que tem o diferencial de não ter sido modernizado e, por isso, manter as características originais. Não se assuste se encontrá-lo cheio (lotado, na verdade) de turistas, pois é justamente por ter se tornado uma atração turística.

Quais são as principais características da cidade de Alfama?

Alfama é um bairro muito peculiar em se assemelhar a uma antiga aldeia não só em aspecto como por ter uma comunidade relativamente pequena e próxima. O bairro é frequentado diariamente por turistas portugueses e estrangeiros, sendo considerado como o mais pequeno de toda a cidade de Lisboa. [carece de fontes

Como chegar a Alfama em Lisboa?

Como chegar a Alfama? Bom, como já mencionamos lá no começo deste texto, uma das maneiras de chegar ao bairro de Alfama em Lisboa é com o bonde 28 (‘elétrico’, para os portugueses), mas além dele, há também a opção do bonde nº 12.

Postagens relacionadas: